Notícias

Voltar

Cantata Natalina ilumina Palácio da Justiça e promove ação de solidariedade

Coral do TJPE se apresenta na frente do Palácio da Justiça iluminado

A noite desta quinta-feira (23/11) foi marcada pela celebração de Natal do Poder Judiciário estadual com a realização da 2ª Cantata Natalina do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) e a inauguração da iluminação do Palácio da Justiça. As 200 cadeiras disponibilizadas foram todas ocupadas e muitos transeuntes pararam para ouvir e ver as apresentações artísticas que deram partida para as festividades do ciclo natalino na Justiça estadual. Confira as fotos no álbum do TJ pernambucano no Flickr.
 
“É com o coração transbordando de alegria que saúdo os presentes que vieram prestigiar nossa Cantata, ao mesmo tempo em que desejo um Feliz Natal e um Próspero Ano Novo para todos os pernambucanos. Que o Natal seja, antes de tudo, um momento em que possamos refletir como poderemos construir um mundo melhor”, declarou o presidente do TJPE, desembargador Leopoldo Raposo, acompanhado de magistrados, servidores, artistas e público.
 
A celebração, que foi abençoada por Dom Marcelo, foi iniciada com as palavras da diretora de Desenvolvimento Humano do Tribunal, Valéria Temporal, que destacou a “grande alegria de darmos início à Cantata Natalina do TJPE, um evento que já faz parte do calendário do Poder Judiciário estadual”. Na apresentação da música Agnus Day, pelo saxofonista Carlinhos da Lua, o Palácio da Justiça foi iluminado com luzes enriquecidas ainda por adornos no formato de buquês natalinos com espirais e estrelas.
 
Carlinhos da Lua é integrante do Instituto Sons do Silêncio, entidade que recebeu os alimentos arrecadados durante o evento. A instituição trabalha para formar a primeira banda harmônica inclusiva do Brasil através da alfabetização em Libras (Língua Brasileira de Sinais) e em Braille de crianças, jovens e adultos. No palco, em frente às escadarias do Palácio da Justiça, Praça da República, também houve as apresentações da Orquestra e Coral dos Arautos do Evangelho, interpretando músicas clássicas natalinas em vários idiomas.
 
Na sequência, a cantora Pandora Calheiros, acompanhada pelo violonista Evo Dantas, cantou Ave Maria Sertaneja, Jingle Bells e Natal todo dia. A festa foi finalizada pelos servidores do Coral do TJPE, regido por Amilcar Aniceto. O coral apresentou o espetáculo Jesus Sertanejo, interpretando as canções Anunciação, Canção de Maria, Canção da Manjedoura, As Boas Novas e Caminho da Estrela, além da declamação de um poema. A apresentação foi realizada em parceria com a Orquestra Criança Cidadã e o coral Paço do Frevo. Ao todo, entre coralistas, músicos e artistas-solo, 125 artistas participaram da 2ª Cantata Natalina do TJPE.
 
Cores e Luzes –
Neste ano, a iluminação de Natal do Palácio da Justiça foi concebida de modo a representar a pureza e a suavidade da festividade através da valorização de linhas e detalhes da arquitetura do edifício sede do Judiciário estadual. Para isso, foi utilizada uma variedade de elementos iluminados nas cores “branco frio” e “branco morno”.
 
A instalação contou com os seguintes elementos: cortina profissional de microlâmpadas com flash em LED blindado; cascatinha de String LED; flash joules; buquê com estrutura de ferro e revestimento de mangueira luminosa do tipo flexligth LED; cortina de String LED; e refletores LEDs blindados.
 
A 2ª Cantata Natalina do TJPE foi uma realização conjunta da Presidência, da Secretária de Gestão de Pessoas, da Diretoria de Engenharia e Arquitetura, da Associação dos Servidores do Poder Judiciário de Pernambuco, do Sindicato dos Oficiais de Justiça de Pernambuco, dentre outros setores do Judiciário.
............................................................................................
Texto: Izabela Raposo | Ascom TJPE
Foto: Marcel Lima | Agência Rodrigo Moreira