Notícias TJPE Notícias TJPE

Voltar

Combate à violência contra a mulher: TJPE vai promover bate-papo virtual com barbearias na próxima segunda-feira (9/11)

Reduzir os índices de violência e opressão contra as mulheres em todos os espaços. Com este objetivo, a Coordenadoria da Mulher do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) promove, na próxima segunda-feira (9/11), um bate papo virtual com profissionais que atuam em barbearias do Estado. Com o slogan Barba, Cabelo e Bigode - Violência não pode - #Todos juntos contra a violência doméstica, o evento acontece das 9h às 10h30.

O bate-papo virtual Mãos emPENHAdas contra a violência doméstica e familiar contra a mulher tem como público-alvo os profissionais de salões de estética masculina e barbearias, de modo que estes se tornem agentes multiplicadores de informações no combate a esse tipo de crime. Participam do debate online a coordenadora estadual da Mulher, desembargadora Daisy Andrade; os juízes integrantes da Coordenadoria, Luciana Marinho e Hildemar Morais; profissionais do Instituto Maria da Penha; além da equipe de servidoras da Unidade.

O projeto Mãos EmPENHAdas contra a violência doméstica e familiar contra a mulher, que tem como embaixadora a empresária, atriz, modelo e ativista Luiza Brunet, foi lançado pelo Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJMS), em 2017. A ação foi proposta para vários estados brasileiros, de modo a mobilizar parceiros do segmento profissional de beleza feminina. Em Pernambuco, a iniciativa contou com a adesão da Coordenadoria da Mulher do TJPE em 2019. Neste ano, o foco da ação se estende para as barbearias e salões de estética masculina e, devido à pandemia do novo Coronavírus (Covid-19), o evento será realizado no formato virtual. Já confirmaram participação no evento as barbearias Empório da Barba, Naipe Barber Shop, Vibe Barber Club e Don Fransuar.

A coordenadora da Mulher de Pernambuco, desembargadora Daisy Andrade, ressalta que a contribuição dos salões e barbearias não é no sentido destes se tornarem locais de denúncia, mas sim espaços que passam a contribuir disseminando informações sobre a Rede de Proteção à Mulher do Estado e também acerca da Lei Maria da Penha.

"A ampliação do projeto Mãos EmPENHAdas contra a violência, incluindo os profissionais ligados aos cuidados com a estética masculina, faz parte da programação da Meta 9 do Conselho Nacional de Justiça, integrando mais uma ação para prevenção e combate à violência contra a mulher em Pernambuco, além de possibilitar a capacitação e disseminação do conhecimento sobre a Rede de Proteção à Mulher e a Lei Maria da Penha", pontua a magistrada.  

Atuação do TJPE nos salões de beleza feminina

Ao aderir ao projeto Mãos EmPENHAdas, no ano passado, a Coordenadoria da Mulher do TJPE realizou capacitações com profissionais de beleza e estética feminina. Na iniciativa, foram abordados vários temas relacionados à violência de gênero contra a mulher, como, por exemplo, Marco legal, Conceituação de gênero, Tipos de violência, Observação sobre o ciclo da violência e Motivos que dificultam a saída da situação de violência, entre outros. As capacitações aconteceram nos dias 14 de outubro de 2019, e 11 e 25 de novembro do mesmo ano, e os salões que participaram da ação foram o DEPP, L'armee, Jell Santos, Dangeluz e Club 164.

.........................................................................................................................................
Texto: Micarla Xavier | Ascom TJPE
Arte: Núcleo de Publicidade e Design | Ascom TJPE