Notícias

Voltar

Juizado do Torcedor fará plantão na partida entre Salgueiro e Sport

Bola no gramado

O Juizado Especial Cível e Criminal do Torcedor do Estado de Pernambuco (Jetep) vai atuar na primeira partida da final do Campeonato estadual que acontece neste domingo (7/5), entre Sport e Salgueiro, na Ilha do Retiro. A partida terá início às 16h, mas o Jetep estará de plantão a partir das 14h e ficará no estádio até duas horas depois do fim do jogo. A equipe do Juizado do Torcedor é formada por um juiz e por servidores da unidade judiciária. Também darão apoio à equipe do Jetep representantes do Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e da Defensoria Pública do Estado.

Compete ao Juizado do Torcedor registrar, processar e julgar ações cíveis que envolvam direito do consumidor, como problemas na compra do ingresso, de meia-entrada ou acesso ao setor reservado. Na área criminal são julgados os cambistas, torcedores que incitem a violência, invadam o campo, promovam tumulto, desacatem autoridades ou que estejam portando drogas.

Os torcedores que infringirem o Estatuto do Torcedor podem cumprir medida socioeducativa através do programa Futebol Cidadão, criado pelo Jetep. A iniciativa visa punir quem cometeu os delitos de menor potencial ofensivo, como também fazer com que eles reflitam sobre o comportamento dentro e fora de campo. Os torcedores que integram o programa assistem às palestras que abordam temas como Estatuto do Torcedor, torcida organizada e abuso de álcool ou drogas, participam de rodas de conversa sobre cultura de paz e de dinâmicas motivacionais para fortalecer a autoestima. Atualmente, 14 torcedores cumprem medida socioeducativa através do Futebol Cidadão.

A juíza substituta da Vara Regional da Infância e Juventude da 1ª Circunscrição, Ana Maria Borba, foi designada para estar à frente da equipe do Juizado do Torcedor neste plantão. “O Jetep já faz esse trabalho há muito tempo e trabalha com atos de menor potencial ofensivo. Atendemos as pessoas que comparecem ao Juizado no momento do jogo. Os torcedores que estejam criando tumulto são levados até nós pelos policiais", disse.

...................................................................................................
Texto: Rayama Alves  |  Ascom TJPE
Revisão: Ivone Veloso  |  Ascom TJPE