Publicador de conteúdo

Retornar para página inteira
Voltar

Juizado Especial Criminal de Jaboatão atende população em novo endereço

Placa sendo descerrada
Instalação da nova sede aconteceu na presença de magistrados e servidores do TJPE

O Juizado Especial Criminal (Jecrim) de Jaboatão dos Guararapes ganhou nova sede para atender os jurisdicionados do município. A cerimônia de instalação aconteceu nesta terça-feira (13/12) e contou com a presença do presidente do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), desembargador Leopoldo Raposo; da coordenadora-geral dos Juizados Especiais, juíza Ana Luíza Câmara; do assessor especial da Presidência, juiz Alberto Freitas; da coordenadora adjunta dos Juizados Especiais, Isabella Magalhães; do juiz titular da Unidade, Jáder Marinho; e do juiz Waldomiro de Araújo, que assume o Juizado Criminal de Jaboatão em janeiro; e de servidores. Confira mais fotos no Flickr do Judiciário estadual.

O Jecrim Jaboatão fica à rua Arão Lins de Andrade, 182, bairro de Piedade. O atendimento acontece de segunda à sexta das 7h às 13h. O novo endereço conta com salas de conciliação, transação penal, audiências de instrução e julgamento, espaço para Ministério Público, Defensoria Pública e Ordem dos Advogados, além de gabinete do magistrado.

Voltado a crimes de menor potencial ofensivo, com penas de até dois anos, o Juizado Especial age com mais celeridade e visa a conciliar as partes, com o objetivo de pacificar a sociedade e dialogar por intermédio de um conciliador. Em funcionamento desde o início do mês no novo endereço, o Juizado de Criminal de Jaboatão realiza aproximadamente trinta audiências por dia e atende cerca de cinquenta pessoas. Toda sexta-feira, acontece um mutirão em parceria com algumas delegacias e, com isso, consequentemente aumenta o número de atendimentos, que varia de 70 a 140 diariamente.

Magistrados e servidores reunidos em Sala de Audiência
Magistrados e servidores reunidos em sala de audiência no Jecrim de Jaboatão dos Guararapes

Durante a cerimônia, o presidente do TJPE, desembargador Leopoldo Raposo, destacou a importância do Jecrim de Jaboatão para a população. “A Justiça ainda mais perto do cidadão poderá trabalhar no sentido de fazer com que os índices de violência e criminalidade diminuam. Jaboatão terá à disposição o Judiciário presente, desenvolvendo as atividades da Justiça Criminal aqui na Comarca do Município, e com mais celeridade, porque a Justiça se faz efetiva com mais rapidez.”

Já a coordenadora-geral dos Juizados Especiais, juíza Ana Luíza Câmara, lembrou o comprometimento com a população. “O nosso compromisso é prestar atendimento de excelência aos jurisdicionados. Quando há um alinhamento das estratégias, nós vemos que conseguimos romper as dificuldades. Que tenhamos então foco pra ver o que é relevante para dar condição de uma prestação jurisdicional cada vez melhor.”

Para o juiz Waldomiro de Andrade Lima Neto, que assume o Juizado Especial Criminal de Jaboatão, em janeiro, é grande a expectativa para o novo desafio. “Já passei um bom tempo em Vara Criminal. Neste caso do Juizado Especial, os tipos de ações tratadas aqui são delitos de menor potencial ofensivo. Com essa nova instalação, esperamos atender cada vez melhor os jurisdicionados.”
.......................................................................................
Texto: Rayama Alves | Ascom TJPE
Fotos: Assis Lima | Ascom TJPE