Notícias Notícias

Voltar

Novos espaços são inaugurados no Fórum Desembargador Rodolfo Aureliano

Pessoas descerrando um placa ao puxar um pano vermelho
Presidente do TJPE, desembargador Fernando Cerqueira, inaugura novos espaços no Fórum Des. Rodolfo Aureliano 

O presidente do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), desembargador Fernando Cerqueira, inaugurou, nesta quarta-feira (4/8), os novos espaços no Fórum Desembargador Rodolfo Aureliano. As mudanças foram realizadas no primeiro andar, onde foi criada a Sala da Coordenadoria Estadual da Família, e no térreo, no Posto Médico, no Polo de Plantões Judiciais e na Sala de Audiência e Custódia. A escadaria principal, que estava desativada, e o pátio externo do local também foram reformados. Confira as fotos.

No seu discurso, o chefe do Judiciário destacou o empenho da sua equipe para a realização das alterações no local e a visão da diretora do Foro da Capital, juíza Paula Malta. “O aproveitamento de áreas, para que torne possível a racionalização da mobilidade dentro do prédio, é extremamente importante”, afirmou. O desembargador também externou sua felicidade em participar deste momento. “Este fórum começou à época do desembargador Valdemar Lins, quando foi feito o concurso do projeto arquitetônico. Foi construído durante a gestão do desembargador Etério Galvão e concluído na administração seguinte, de desembargador Nildo Nery, quando atuei como juiz auxiliar da Presidência. Eu participei deste Fórum nos preparativos em relação ao terreno, ao concurso do projeto, à licitação e na conclusão da obra, quando ele foi ocupado”, explicou.

O Posto Médico localizado anteriormente no estacionamento destinado a magistradas e magistrados foi deslocado para o Setor de Autoantendimento/Polo de Serviços, onde ficava a sala da Defensoria Pública. Com a mudança, o local ficou mais amplo e mais acessível. A diretora de Saúde, Dalva Pascoal, ressaltou o empenho da gestão atual do TJPE e da diretora do Foro. “Eu agradeço o compromisso e a dedicação para a identificação do espaço e a sua adequação para que estivesse de acordo com as nossas necessidades”, disse.

Posto médico
O Posto Médico foi um dos ambientes que sofreram mudanças

Já onde era situado o Posto Médico, encontram-se as Salas de Plantão Criminal e de Audiência e Custódia. Graças às mudanças, os locais estão próximos à Assessoria Policial Militar e Civil (APMC/TJPE) e à Central de Penas Alternativas de Pernambuco (Ceapa), facilitando a logística das unidades judiciárias e promovendo uma maior segurança. “Nossas dificuldades físicas eram grandes, a mudança nos proporcionou um local adequado” afirmou a juíza da Central de Custódia da Capital, Ane de Sena Lins. A sala de Plantão Cível também está localizada no pavimento térreo, próxima a do Plantão Criminal, onde formam o Polo de Plantões Judiciários.

No primeiro andar foi criada a Sala da Coordenadoria Estadual da Família. O local é o resultado da readequação do espaço de três Varas de Família, possível devido à digitalização dos processos físicos. Assim como nos outros lugares, no seu discurso, a diretora do Foro da Capital, juíza Paula Malta, agradeceu o empenho de todos na realização das mudanças e falou sobre a importância do trabalho desenvolvido. “Nós prestamos um bom serviço à sociedade quando nos empenhamos em criar espaços onde as pessoas possam crescer. Eu espero que nós consigamos modificar a visão que as pessoas têm do Judiciário. É na família que começam todos os conflitos. Que nós possamos evitar que alguns casos cheguem à Infância e Juventude, acolhendo e trabalhando com essa família”, disse a diretora do Foro emocionada.

O coordenador estadual da Família, desembargador Humberto Vasconcelos, esteve presente na solenidade de inauguração e também falou sobre o assunto. “A família bem estruturada e harmonizada, preventivamente e curativamente, diminui muito a incidência na área da Infância e Juventude. O grande sentido da família é harmonia”, afirmou. Ele destacou o sonho idealizado pela juíza Paula Malta e pela coordenadoria. “Nós temos um grande propósito: construir um Fórum de Família com a Casa da Família, adaptando ela a todas as consequências da atuação”, disse o desembargador.

O Fórum Desembargador Rodolfo Aureliano está localizado na avenida Desembargador Guerra Barreto, s/nº, na Ilha Joana Bezerra. O local possui 43 mil m², distribuídos em seis pavimentos. Seu projeto foi baseado na arquitetura da Roma Antiga. 

..................................................
Texto: Cláudia Franco | Ascom TJPE
Fotos: Armando Artoni | Produções K9