Ultimas Notícias Ultimas Notícias

Voltar

TJPE disponibiliza ferramenta de IA para execução fiscal em Programa de formação do CNJ

Apresentação de integrantes da Setic em Webnário do CNJ
 
O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) participou, na última semana, do Programa de Formação para Automação Avançada no Processo Judicial Eletrônico (PJe), realizado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Integrantes da Secretaria de Tecnologia de Informação e Comunicação do Judiciário estadual apresentaram o módulo “Triagem inicial na execução fiscal: ELIS/SINAPSES”.
 
O sistema de inteligência artificial foi idealizado pela Comissão para Aplicação de Soluções em Inteligência Artificial (CIA). Elis é ferramenta capaz de analisar e triar os processos de executivos fiscais, que totalizam mais de 50% de todas as ações que estão em trâmite no estado nordestino. Enquanto a triagem manual de 70 mil processos leva em média um ano e meio, a Elis analisa pouco mais de 80 mil em 15 dias.
 
Participaram da apresentação João Tiago Ferreira Soares Pessoa, Hadautho Roberto Barros da Silva e Diego Lages dos Santos. Segundo o diretor de Sistemas da setic, João Tiago Pessoa, como o webnário contava com um público heterogêneo, formado por profissionais da área jurídica, mas também de tecnologia, a exposição foi dividida em três partes: motivação para a criação do Elis, explicação sobre a utilização da Inteligência Artificial e a integração da solução no sistema PJe, com informações mais técnicas. 
 
Agora, Elis está disponível na plataforma Sinapses, do CNJ, podendo ser utilizada por outros tribunais do país. A partir desta experiência, também esperamos passar a utilizar outros modelos de Inteligência Artificial disponíveis nesta plataforma”, destacou.
 
O Programa de formação do CNJ busca incentivar, entre os órgãos da Justiça, a descentralização das iniciativas de automação de rotinas e o compartilhamento dos avanços por meio do Laboratório de Inovação para o Processo Judicial em meio Eletrônico (Inova PJe). A plataforma Sinapses é uma ferramenta tecnológica que permite o desenvolvimento de inteligência artificial aplicável às rotinas do Poder Judiciário. Desde a extração de dados ao treinamento e aplicação dos modelos de IA, o Sinapses torna disponível serviços que otimizam a realização de tarefas repetitivas (automação), predições, agilização do andamento processual, além de conferir maior segurança. 
 
...........................................................................................................
Texto: Rebeka Maciel | Ascom TJPE