Notícias Notícias

Voltar

TJPE inaugura pedra fundamental do novo Fórum de Tamandaré

 O presidente do TJPE, desembargador Fernando Cerqueira, durante discurso na solenidade 

Com uma população estimada em 24 mil habitantes, o município de Tamandaré, localizado no litoral Sul do estado, terá um novo Fórum. Nesta sexta-feira (29/10), o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) inaugurou a pedra fundamental no terreno onde serão construídas as novas dependências do Fórum da comarca. O prédio terá 684,34 metros quadrados de área construída num terreno de 5.584 metros quadrados, localizado na Avenida José Bezerra Sobrinho, Lote 01, bairro de Campas. O terreno foi doado pela Prefeitura do município.

A nova estrutura comportará uma Vara Única, que contará com ambientes destinados à Secretaria; salas para assessores, juízes e oficiais de justiça; setor de audiências; um arquivo geral; e ainda salas para representantes da Promotoria, da Defensoria Pública, e da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). O prédio contará também com um Salão do Júri, com capacidade para 55 pessoas, incluindo espaço destinado a cadeirantes, e uma sala de jurados; uma Central de Audiências de Custódia; uma sala de reconhecimento dos réus; e duas celas.

O Fórum será construído numa padronização de arquitetura modular, que permite que a estrutura predial possa expandir de forma planejada, numa área mais compacta. Nesse conceito de construção, predomina a configuração arquitetônica formada por ambientes com tamanhos pré-definidos, havendo o aproveitamento e o uso consciente dos espaços. 

A estrutura compacta visa também a economia de recursos, como o uso da energia elétrica, para um maior número de pessoas, disposição de móveis e equipamentos que permitam o fluxo ágil do trabalho dos servidores e magistrados, possibilitando a evolução no atendimento ao jurisdicionado, e preservação do meio ambiente do entorno da obra. A coordenação e execução do projeto foram das arquitetas Adriana Albuquerque e Marcela Peixoto, da Diretoria de Engenharia e Arquitetura (DEA) do TJPE, que tem como diretor Romildo Sales.

Representantes do Judiciário e de outros poderes estaduais e municipais 

Durante o evento, o presidente do TJPE, desembargador Fernando Cerqueira, ressaltou o momento da inauguração da pedra fundamental como um marco para o jurisdicionado local, destacando a presença relevante da população na solenidade. “O comparecimento de tantos cidadãos da cidade para prestigiar essa cerimônia simboliza o quanto essa estrutura é aguardada por cada um dos presentes. Eles merecem uma prestação jurisdicional que atenda às suas demandas de forma efetiva, com mais comodidade e presteza. Estou muito feliz em estar aqui e presenciar essa etapa de evolução da Justiça de um município que representa também uma referência do turismo no estado”, pontuou.

O diretor do Fórum de Tamandaré, juiz Thiago Felipe Sampaio, destacou os benefícios da construção do novo fórum para uma cidade que tem crescido continuamente com um número cada vez maior de habitantes em virtude do seu desenvolvimento econômico. “Tamandaré é um município que tem evoluído em vários setores de forma expressiva ao longo dos anos. A construção de um novo Fórum chega para atender à demanda crescente dos cidadãos que aqui habitam e merecem uma estrutura ainda mais eficaz de atendimento. Ganha o povo de Tamandaré e também os servidores e magistrados que aqui prestam serviços, com um espaço mais funcional”, afirmou.

Para o diretor de Engenharia e Arquitetura (DEA) do TJPE, Romildo Sales, a construção além de conferir uma maior funcionalidade ao trabalho do Judiciário, representa uma economia expressiva de recursos econômicos ao ter uma estrutura predial planejada voltada para a sustentabilidade. “É um projeto arquitetônico no qual avaliamos a necessidade de uma futura expansão dos serviços para a comarca. No prédio erguido, já deixamos as salas projetadas e pré-definidas para que possam ser expandidas caso haja necessidade, não havendo assim um crescimento desordenado do Fórum. Estrutura mais compacta e com melhor operacionalidade representa principalmente economia de gastos e melhor prestação de serviços”, avaliou.

O prefeito de Tamandaré, Isaias Honorato Carrapicho, elogiou a inciativa da atual gestão do TJPE em promover a evolução do atendimento judicial. “Com extrema alegria participo desse momento, que representará num futuro próximo mais conforto para a população que terá suas demandas atendidas num ambiente com alto padrão de qualidade”, observou.

Presente também à solenidade, o pároco de Tamandaré, Padre Arlindo Matos, celebrou uma cerimônia religiosa, e realizou a benção da inauguração da pedra fundamental. O padre também expressou seu contentamento com o início das obras. “Estamos celebrando uma justiça mais célere para a população. Agradeço e parabenizo a todos os envolvidos nesse projeto”, destacou.

Prestigiaram ainda a cerimônia, o secretário de Administração do TJPE, Francisco Abreu; o vice-diretor da Escola Judicial do Tribunal, desembargador Waldemir Tavares; o consultor Jurídico do Tribunal, Emmanuel Plácido Oliveira Moraes; e o desembargador aposentado do TJPE, Eduardo Paurá.

...........................................................................
Texto: Ivone Veloso | Ascom TJPE
Fotos: Assis Lima | Ascom TJPE