Últimas Notícias em destaque

Voltar

TJPE ocupa a Vice-Presidência do Fórum Nacional sobre Violência Doméstica

Delegação pernambucana na oitava edição do FonavidDelegação pernambucana na oitava edição do Fonavid

O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) irá ocupar a Vice-Presidência do IX Fórum Nacional de Juízes de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher (Fonavid), encontro que será promovido na cidade de Natal, capital do Rio Grande do Norte, pelo Conselho Nacional de Justiça, em 2017. A juíza da 1ª Vara de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher (VVDFM) do Recife, juíza Ana Mota, foi escolhida como vice-presidente pelos participantes do VIII Fonavid, que foi sediado em Belo Horizonte, capital de Minas Gerais, nos dias 9 a 12 deste mês. O tema do evento, este ano, foi “Gênero além do Direito”.

“O TJPE, a partir desta eleição, contribuirá de forma mais eficaz no enfrentamento da violência doméstica a nível nacional, o que, para mim, é motivo de honra e responsabilidade”, disse a juíza Ana Mota. A dirigente da Coordenadoria Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar, desembargadora Daisy Andrade, também corrobora da mesma impressão da juíza, por se tratar de “uma oportunidade de compartilhar as experiências exitosas do TJPE com os tribunais de outros estados”.

Presidente e vice do Fonavid 2017, respectivamente, juiz Deyvis Marques (TJRN) e juíza Ana Mota (TJPE)
Presidente e vice do Fonavid 2017, respectivamente, juiz Deyvis Marques (TJRN) e juíza Ana Mota (TJPE)

A desembargadora Daisy Andrade também destacou a participação dos membros da equipe pernambucana no evento, a exemplo do juiz da VVDFM do Cabo do Santo Agostinho, Francisco Tojal, na coordenação do Grupo de Trabalho “Políticas Públicas” no VIII Fonavid. Na ocasião, discutiu-se o Sistema Nacional de Dados e Informações sobre Violência Contra as Mulheres, e Fortalecimento da Rede de Enfrentamento à Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher. “A condução dos trabalhos pelo juiz foi bastante elogiada, e as conclusões de seu grupo foram aprovadas por unanimidade pela Plenária do VIII Fonavid”, conta a magistrada.

A promoção do Fonavid, segundo a desembargadora, “demonstra a importância que o combate à violência contra a mulher vem adquirindo nos País, até porque, a cada ano, aumenta o número de participantes no evento”. Além das magistradas Daisy Andrade e de Ana Mota e do magistrado Francisco Tojal, participaram do VIII Fonavid, pelo Judiciário estadual, a juíza da VVDFM de Camaragibe, juíza Roberta Vasconcelos; a assistente social da 1ª VVDFM do Recife, Débora Apolônio Figureau; e a psicóloga da VDFM de Igarassu, Ana Elizabeth Morgado.
.................................................................................
Texto: Izabela Raposo | Ascom TJPE
Foto: Equipe TJPE no Fonavid