Notícia Destaque

Voltar

TJPE suspende prazos para pagamento de taxas judiciárias e custas por conta da greve dos bancários

O presidente do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), desembargador Leopoldo Raposo, suspendeu o prazo para comprovação do preparo de recursos, efetivação de depósitos judiciais e pagamento de custas processuais e taxa judiciária em virtude da deflagração do movimento grevista dos empregados de estabelecimentos bancários. A instrução de serviço nº 3, que dispõe sobre o assunto, foi publicada no Diário de Justiça Eletrônico desta sexta-feira (9/9).
 
A deflagração do movimento grevista aconteceu no último dia 6. A medida leva em consideração as dificuldades para o regular e oportuno preparo de recursos, bem como a realização de depósitos judiciais e o pagamento de custas processuais e taxa judiciária. A decisão vale até dois dias úteis após o encerramento da paralisação. A Presidência do TJPE editará ato fixando a data de término da greve.
 
....................................................................
Texto:Rebeka Maciel | Ascom TJPE