Últimas Notícias Últimas Notícias

Voltar

TJ de Pernambuco integrará mobilização de combate à violência contra a mulher

A previsão é de que o evento ocorra entre 9 e 13 de março deste ano

O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) vai participar de um movimento nacional do Judiciário para combater casos de violência doméstica contra a mulher. A previsão é de que o evento ocorra entre 9 e 13 de março deste ano.

A medida foi apresentada durante reunião realizada na terça-feira (27/01), em Brasília, com a ministra Carmem Lúcia, do Supremo Tribunal Federal. O presidente do TJPE, desembargador Frederico Neves, que esteve presente no encontro, já enviou ofício aos juízes do Estado solicitando um esforço para o agendamento do maior número possível de audiências durante a ação.

De acordo com a proposta, varas criminais, juizados especializados e tribunais do júri devem priorizar o julgamento de casos de violência contra a mulher, com atenção especial para aqueles que envolvem homicídio. Segundo a ministra Carmem Lúcia, o objetivo da iniciativa é agilizar o andamento dos processos que envolvem a violência contra mulher e ainda propulsionar o enfrentamento desses casos.

O presidente do TJPE afirmou que Pernambuco demandará todos os esforços para o sucesso do evento. "Estamos focados no combate aos crimes contra a vida e vamos dar uma atenção especial aos relacionados à violência contra a mulher. Precisamos agir com rapidez e firmeza para coibir esse tipo de caso", ressaltou. A iniciativa fará parte do calendário de atividades em alusão ao Dia Internacional da Mulher, 8 de março.

 

..............................................................................

Texto: Rebeka Maciel | Ascom TJPE