Notícias TJPE Notícias TJPE

Voltar

Missa em ação de graças marca início da programação para posse da nova Mesa Diretora

Ato foi celebrado pelo arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido

Ato foi celebrado pelo arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido

Uma missa em ação de graças foi celebrada nesta segunda-feira (3/2), às 9h, na Igreja da Ordem Terceira de São Francisco, no bairro de Santo Antônio, no Recife, marcando o início da programação de eventos para a posse da nova Mesa Diretora do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) para o biênio 2020/2022. Além do desembargador Fernando Cerqueira, no cargo de presidente do Judiciário estadual, integram a nova Mesa Diretora, os desembargadores Eduardo Paurá, primeiro vice-presidente; Cândido Saraiva, segundo vice-presidente; e Luiz Carlos Figueiredo, corregedor geral de justiça. Confira as fotos em: https://photos.app.goo.gl/ww18RAn4BcnqrSLE8 

Com a igreja lotada, entre magistrados e servidores, a missa contou com a presença do corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins; do presidente do TJPE, desembargador Adalberto de Oliveira Melo; do primeiro vice-presidente Cândido Saraiva; e do segundo vice-presidente Antenor Cardoso. O ato religioso foi celebrado pelo arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido; e co-celebrada pelo arcebispo Dom Paulo Garcia, da Igreja Episcopal Carismática; e pelo padre Francisco Caetano Pereira. Durante a cerimônia, o desembargador Fernando Cerqueira participou da Liturgia da Palavra, fazendo a 1ª Leitura, do livro do profeta Isaías. A celebração também foi marcada por cânticos religiosos executados pelo Coral do TJPE, regido por Amilca Aniceto Chalegre.

Em seu sermão, Dom Fernando Saburido, exaltou e agradeceu o trabalho desenvolvido pelo desembargador Adalberto de Oliveira e desejou sucesso ao desembargador Fernando Cerqueira na nova missão à frente da Presidência do Judiciário estadual pernambucano. O religioso destacou, ainda, o papel da Justiça na sociedade. “A Justiça não implica apenas na realização de uma administração mecânica, formada por leis. O Judiciário no Brasil é uma instituição inserida num país que aparece como um dos mais desiguais no mundo em acesso a direitos sociais. Então, vejo a Justiça com o papel humanizador relevante dessa realidade, ao conceder os direitos inerentes a cada cidadão que aqui vem em busca de Justiça e paz social. O profeta Isaías nos assegura que a paz é fruto da Justiça e aqui falo exatamente desse propósito maior”, afirmou.

O arcebispo Dom Paulo Garcia falou do significado do Cristianismo, enfatizando que é a doação ao próximo, a empatia pela dor do semelhante e a gratidão a tudo que nos acontece. “Devemos ter a consciência que saímos fortalecidos de todos os momentos da nossa vida, e também dos períodos de sofrimento, que sempre nos servem de aprendizado e reflexão. Desejo à nova Mesa Diretora, um trabalho voltado às necessidades da população, da condição humana, ou seja, uma gestão realizada com justiça e equidade”, disse.  

Notícia relacionada

Posse de nova Mesa Diretora do TJPE ocorre nesta segunda-feira (3/2)
......................................................................................................................................
Texto: Ivone Veloso | Ascom TJPE
Fotos: Assis Lima | Ascom TJPE