Notícias TJPE Notícias TJPE

Voltar

Vice-presidentes e equipes do TJPE debatem questões de arquivo e tecnologia

Encontro contou com participação de integrantes das Vice-Presidências, Didoc, Setic e Comitê Gestor do PJe

Encontro contou com participação de integrantes das Vice-Presidências, Didoc, Setic e Comitê Gestor do PJe

O crescimento do volume de processos no Arquivo Geral do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) foi tema de reunião promovida pelo primeiro e pelo segundo vice-presidentes do Judiciário estadual, respectivamente, os desembargadores Cândido Saraiva e Antenor Cardoso. No encontro, realizado no Gabinete da 1ª Vice, no Palácio da Justiça, no Recife, em 8 de agosto, foram tratadas questões relacionadas à formação continuada de servidores e à ampliação de estrutura física, o que permitirá atendimento mais célere aos advogados e partes, e consequente melhor prestação jurisdicional. Com o mesmo objetivo, houve discussão acerca do desenvolvimento de ferramentas para facilitar a integração do sistema do Processo Judicial eletrônico (PJe) com aqueles utilizados pelos Tribunais Superiores. Confira mais fotos da reunião no álbum do TJ pernambucano no Flickr..

Durante a reunião, os representantes do Cartório de Recursos para os Tribunais Superiores (Cartris) e da Diretoria de Documentação Judiciária (Didoc) falaram sobre as necessidades das respectivas unidades, ressaltando o grande quantitativo de processos enviados e recebidos do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e Supremo Tribunal Federal (STF). Os servidores também abordaram a existência de acervo de processos físicos em condições de descarte, em cumprimento à legislação federal que trata sobre a matéria, a Lei 8.159/1991.

Os servidores da Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação (Setic) e do Comitê Gestor do PJe expuseram o funcionamento dos sistemas de informática do Tribunal de Justiça, apontando a exigência prévia de indexação dos processos físicos e eletrônicos antes do envio para o STJ e STF. Tal funcionalidade deve ser aperfeiçoada com a nova versão do Modelo Nacional de Interoperabilidade (MNI), sistema que estabelece os padrões para intercâmbio de informações de processos judiciais entre os diversos órgãos de administração de Justiça.

Desembargadores Antenor Cardoso e Cândido Saraiva

Desembargadores Antenor Cardoso e Cândido Saraiva

Ao final, os desembargadores Cândido Saraiva e Antenor Cardoso falaram sobre a importância da troca de experiências entre magistrados e servidores de diversas áreas para o monitoramento das unidades. Os magistrados informaram que terão todo o empenho para encontrar as soluções adequadas através da junção de esforços e envio de ofício conjunto à Presidência do Tribunal com as conclusões da reunião.

Participaram os assessores especiais da 1ª e da 2ª Vice-Presidências, juízes Isaías Andrade Lins Neto e José Marcelon Luiz e Silva; a secretária de Tecnologia da Informação e Comunicação, Juliana Neiva; a diretora de Documentação Judiciária, Maria José Alves; a gerente do Arquivo Geral, Ana Paula Santos; o diretor adjunto de Documentação Judiciária, André Fabiano Santos; o diretor de sistemas da Setic, Raphael José D’Castro; a gestora do Comitê Gestor do PJe, Joselma Santana; o secretário-geral da 1ª Vice-Presidência, Vladimir Carvalho de Almeida; a secretária-geral da 2ª Vice-Presidência, Pietra Alexandrina Montenegro; a chefe de Gestão Documental da Didoc, Kerlly Teixeira Moreno; os chefes de Unidades do Cartris, Marta Regina Frutuoso e Sílvio Rogério de Araújo; as gerentes do Cartris, Luana dos Santos Souza e Simone Valença Duque; e os técnicos da Setic e da Didoc, respectivamente, João Tiago Pessoa e Maria de Lourdes Barbosa. 
...........................................................................................................................
Texto: Redação | Ascom TJPE
Fotos: Antônio Santos | Ascom TJPE