Notícias

Voltar

1ª VVDFM da Capital promove exposição e palestras sobre enfrentamento da violência contra a mulher

A VVDFM da Capital celebrou 12 anos com uma exposição sobre enfrentamento da violência de gênero

Inaugurada em 8 de março de 2007, a 1ª Vara de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher (VVDFM) da Capital celebrou 12 anos com uma exposição sobre enfrentamento da violência de gênero. Durante a 13ª Semana da Justiça pela Paz em Casa, realizada entre os dias 11 e 15 de março e voltada à agilização de processos e sensibilização sobre o tema, imagens ficaram expostas no corredor do Fórum Desembargador Rodolfo Aureliano, no Recife, próximas à unidade especializada.

Ainda dentro das atividades realizadas pela unidade, nesta segunda-feira (18/3), a juíza Ana Cristina Mota, titular da 1ª VVDFM da Capital, apresenta uma palestra sobre violência doméstica e familiar contra a mulher na Faculdade de Olinda (Focca) para estudantes do curso de Direito. Em parceria com a Secretaria Estadual da Mulher, na quarta-feira (20/3), será realizada uma capacitação abordando os equipamentos estaduais de proteção às mulheres em situação de violência. O evento acontece no auditório do 5° andar do Fórum Rodolfo Aureliano e conta com a presença da magistrada e servidores.

Será apresentada, na terça-feira (26/3), a palestra do programa Caminhos, no Centro Comunitário da Paz (Compaz) do Alto Santa Terezinha. A iniciativa é um convênio firmado entre o TJPE e a Secretaria de Defesa Social (SDS), com a participação da 1ª VVDFM e da 1ª Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam). A ação objetiva levar às comunidades informações sobre os tipos de violência contra a mulher e sobre a Lei Maria da Penha.

Na quinta-feira (28/3), haverá uma ação do programa Ressinificando, que oferece oportunidade aos autores de violência contra a mulher sentenciados pela unidade, no sentido de participarem de grupos reflexivos e dinâmicas de grupo. O encontro é operacionalizado por técnicas da equipe multidisciplinar, buscando dar outro significado às ações ofensivas já praticadas, com objetivo de prevenir a reincidência da violência.

Durante o mês de março, serão realizadas visitas institucionais do programa Articulação. Serão visitados o Centro Integrado de Saúde Amaury Medeiros (Cisam) e o Centro Wilma Lessa do Hospital Agamenon Magalhães, no intuito de melhor conhecer tais serviços da rede de saúde da mulher e estabelecer trocas de saberes entre Justiça e Saúde.

Confira mais informações sobre a 1ª VVDFM e outras unidades especializadas em http://www.tjpe.jus.br/web/coordenadoria-da-mulher

....................................................................................................................
Texto: Amanda Machado – Francisco Shimada | Ascom TJPE
Foto: Assis Lima | Ascom TJPE