Pular para o conteúdo
 

 

Caminhos - 1ª VVDFM - Comarca do Recife

Criado em 2013, através de um convênio TJPE/SDS, executado pela 1ª Vara de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher da Capital e a 1ª Delegacia de Polícia da Mulher do Recife.

 

Este projeto visa facilitar a relação entre a Justiça e suas demandantes, promovendo uma propagação consciente da Lei Maria da Penha e contribuindo para a formação de mulheres mais conscientes e empoderadas.

 

Cria-se um espaço de troca onde as mulheres da comunidade compartilham suas experiências, se fortalecem e esclarecem suas dúvidas sobre o sistema de justiça.

 

Proporciona ainda que os parceiros, presentes nas palestras, falem da atuação das entidades a que representam na política de enfrentamento e proteção a mulher, dando orientações e esclarecendo dúvidas.

 

Em 2016 as ações já atenderam mulheres das comunidades de: Pina, Boa Viagem, Brasília Teimosa, Santo Amaro, São José, Boa Vista, Ibura e Jordão.

 

Sobre a execução do projeto:

 

Nos anos 2013 a 2015: os convites eram entregues na 1ªDEAM após o registro do BO pelas mulheres e as palestras aconteciam na 1ªVVDFM;

 

Nos anos 2015 a 2017: faz-se análise dos registros de BO da 1ª DEAM e as palestras acontecem nos bairros com maior incidência de registros.

 

A partir dos dados da 1ª DEAM, mensalmente, verificamos os bairros com maior número de registros de BO’s e nestes realizamos as palestras.

 

São feitas articulações com equipes da rede de enfrentamento e proteção a mulher do Recife para apoio e participação no evento, quais sejam: Secretaria Municipal da Mulher, Núcleo de Apoio a Mulher (MPPE) e DPMUL.

 

Projeto Caminhos nos Bairros

 

  • A equipe psicossocial da 1ªVVDFM fala sobre:
  • A complexidade do fenômeno da violência;
  • A cultura patriarcal e sexista;
  • As diferentes formas de violência que podem estar no cotidiano das mulheres.

 

Orienta ainda sobre:

 

  • Lei Maria da Penha,
  • Direitos das mulheres;
  • Trâmites legais;
  • Medidas protetivas;
  • Rede de apoio e proteção à mulher,
  • Além de motivar denúncias das violências sofridas ou presenciadas.