Pular para o conteúdo
 

 

Notícias

Voltar

Innovare – Portfólio de projetos une iniciativas de acolhimento familiar e adoção

Equipe da Coordenadoria da Infância e Juventude une projetos em benefícios de adotados e acolhidos

Equipe da Coordenadoria da Infância e Juventude une projetos em benefícios de jovens adotados e acolhidos

O portfólio de projetos, intitulado “Conviver boas práticas do TJPE para a garantia e defesa da convivência familiar e comunitária às crianças e aos adolescentes”, é uma edição atualizada e revista do conjunto articulado de ações prioritárias, com a finalidade de atuar sob as questões que envolvem a temática da convivência familiar e comunitária. Concorrendo ao Innovare 2019, o material é composto pela apresentação de sete iniciativas ao total, sendo cinco no campo da adoção, uma relacionada a acolhimento institucional e uma de apadrinhamento.

Algumas iniciativas serviram de inspiração para a reprodução de outras a partir de um único eixo central de intervenção estrategicamente articulada com a finalidade de direcionar o trabalho desenvolvido pela Coordenadoria da Infância e Juventude do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE). Reunidos no presente portfólio, os projetos ganham unicidade, reconhecimento e visibilidade no campo das prioridades da gestão institucional. Além disso, o agrupamento das boas práticas em única ferramenta permite o melhor gerenciamento das ações.

A atividade começou a ser desenvolvida em agosto de 2016. A inovação do projeto está no desenvolvimento de uma proposta de trabalho integrado de projetos focados na garantia de defesa do direito à convivência familiar e comunitária, retirando deles o caráter isolado de execução das práticas e estabelecendo uma identidade de articulação e convergência entre eles. O programa concorre na categoria Tribunal e tem como um dos autores a servidora Keilla Cristiane dos Reis Barreto de Carvalho.

Sobre o Prêmio

Criado em 2004, o Prêmio Innovare surgiu no Ministério da Justiça, na gestão do então ministro Márcio Thomaz Bastos, quando o atual diretor-presidente do Instituto Innovare, Sérgio Renault, era secretário da Reforma do Judiciário. No ano de 2009, foi criado o Instituto Innovare e, ao longo do tempo, mais instituições uniram-se à causa.

Atualmente o Conselho Superior do prêmio é composto por associações representativas de grande prestígio no mundo jurídico: Associação de Magistrados Brasileiros, Associação Nacional dos Membros do Ministério Público, Associação Nacional dos Defensores Públicos, Associação dos Juízes Federais do Brasil, Associação Nacional dos Procuradores da República, Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho e Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, além do Ministério da Justiça por meio da Secretaria Nacional de Justiça e Cidadania, do Ministro Carlos Ayres Britto e do jornalista Roberto Irineu Marinho, presidente do Grupo Globo.

Participam da Comissão Julgadora do Innovare ministros do STF e STJ, desembargadores, promotores, juízes, defensores, advogados e outros profissionais de destaque interessados em contribuir para o desenvolvimento do nosso Poder Judiciário.

.................................................................................................
Texto: Ivone Veloso | Ascom TJPE
Adaptação: Izabela Raposo | Ascom TJPE
Foto: Cortesia