Notícias

Voltar

Casamento coletivo movimenta Nazaré da Mata

Casal celebra união realizada através de parceria entre o TJPE e a Amunam

Casal celebra união realizada através de parceria entre o TJPE e a Amunam

A comarca de Nazaré da Mata recebe, nesta sexta-feira (10/5), a partir das 14h, a quinta edição de casamento coletivo, promovido pela Associação das Mulheres de Nazaré da Mata (Amunam) em parceria com o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE). A cerimônia será celebrada pelo juiz Felipe José Rosa e Silva.

Dentre as responsabilidades do Judiciário, o TJPE assume a confecção da certidão de casamento. Segundo a coordenadora executiva da Amunam, Eliane Rodrigues, a economia com as custas é bastante representativa. “O casal economizará até 600 reais pela confecção do documento, o que é bem relevante para famílias”, destaca.

A estimativa é que 40 casais e cerca de 300 convidados participem da cerimônia que acontecerá no Espaço Mamãe Coruja, localizado no centro da cidade. O evento contará com tapete vermelho, bolo de noiva, refrigerantes, doces, serviço de fotografia, música e serviço religioso ecumênico. Cerca de 20 noivas também ganharão vestido completo, maquiagem e cabelo.

Pela primeira vez, 16 empresas da própria cidade e dos municípios de Carpina, Timbaúba e Limoeiro uniram forças para organizar a festa, que já celebrou mais de 200 matrimônios ao longo das outras edições. “Todos os anos, muitos casais aguardam, ansiosamente, por esse momento. O casamento comunitário já é uma marca registrada no calendário de nossa cidade”, revela Eliane Rodrigues.

Recife – Nos dias 13 e 14 de maio, através do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos por meio das Casas de Justiça e Cidadania do Bongi e do Coque, o TJPE realiza casamento coletivo de moradores de bairros da Capital. As cerimônias acontecem a partir das 10h no auditório do Fórum Desembargador Rodolfo Aureliano, na Ilha Joana Bezerra. O evento é gratuito e será celebrado pela juíza Wilka Vilela.
..................................................................................................................................
Texto: Redação | Ascom TJPE – Com informações de Salatiel Cícero
Foto: Cortesia