Notícias

Voltar

TJPE instala Centros Judiciários em Araripina e Serra Talhada

Cinco representantes do TJPE posando ao lado da placa de inauguração

 Inauguração do Cejusc na comarca de Serra Talhada

O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), através do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (Nupemec/TJPE), instalou no interior de Pernambuco mais dois Centros Judiciários de Soluções de Conflitos e Cidadania (Cejusc). Eles foram inaugurados no Fóruns de Araripina, na quinta-feira (17/1), e no Fórum de Serra Talhada, na sexta-feira (18/1). Com as inaugurações das unidades, o Tribunal possui agora 20 Cejuscs.

Os Centros Judiciários de Solução de Conflitos e Cidadania atuam como órgãos auxiliares das unidades jurisdicionais de 1º e 2º graus do Poder Judiciário do Estado de Pernambuco, em relação às quais se vinculam institucionalmente na forma prevista nos artigos 73 a 75 da Lei Complementar Estadual 100, de 21/11/2007 (Código de Organização Judiciária do Estado de Pernambuco).

Araripina – Na solenidade de instalação do Centro Judiciário, o coordenador-geral do Nupemec, desembargador Erik Simões, representando o presidente do TJPE, desembargador Adalberto de Oliveira, destacou que “a conciliação é o futuro da Justiça, pois para a grande maioria dos casos, ela atende de forma ágil, sem a necessidade de o Judiciário alocar mais despesas na construção de novos fóruns ou na nomeação de mais juízes e servidores”.

Já a diretora do Fórum e coordenadora do novo Centro Judiciário, juíza Angélica Chamon Layoun, agradeceu a iniciativa, e a prioridade que será conferida à conciliação e à mediação dos conflitos com a inauguração da unidade. “A conciliação e a mediação dos litígios asseguram o acesso qualificado à Justiça, sendo as melhores e mais rápidas formas de se compatibilizar interesses e necessidades”.

Além dos coordenadores do Nupemec, prestigiaram a solenidade o juiz da Vara Cível Neider Moreira Reis Júnior, o promotor Bruno Miquelão Gottardi, e o vice-presidente da seção local da OAB-PE, Pedro Alves.  

Serra Talhada – No dia seguinte, sexta-feira, na solenidade de instalação do Cejusc de Serra Talhada, além do desembargador Erik Simões, participaram da solenidade; o prefeito Luciano Duque, o diretor do Fórum e coordenador do Cejusc, juiz Diógenes Portela Torres, o juiz da Vara Criminal, Marcus César Gadelha e o juiz da 2ª Vara Cível da Comarca, José Anastácio Guimarães Figueiredo.

Para o coordenador do Cejusc de Serra Talhada, “investir na conciliação é garantir que as partes e o magistrado fiquem plenamente satisfeitas, pois a solução do litígio foi construída entre, e com elas”. Em seguida, agradeceu ao desembargador Erik Simões pela instalação do Centro Judiciário na localidade.

Em sua fala, Erik Simões lembrou que além da função jurisdicional, o Cejusc promove também ações de cidadania como a promoção de casamento coletivo. “Com o apoio de prefeituras e entidades, temos organizado, em várias comarcas, casamento coletivo. A festa é emocionante, pois pessoas que já possuem netos, casam-se, realizando um sonho de vida. Além dessa ação, os Cejuscs também oferecem diversas ações cidadãs como emissão de documentos, por exemplo”, enfatizou o magistrado.

Petrolina – Em um dia anterior às inaugurações das novas unidades, quarta-feira (16/1) o coordenador-geral do Nupemec/TJPE, Erik Simões reuniu-se com o prefeito de Petrolina Miguel Coelho para iniciar as tratativas de instalação de uma Casa da Justiça e Cidadania naquela cidade.
.............................................................................................
Texto: Izabela Raposo | Ascom TJPE
Fotos: Orlando Teles