1º Vice-Presidente 1º Vice-Presidente

 

Des. Eurico de Barros Correia Filho

Pernambucano de Recife, o desembargador Eurico de Barros Correia Filho tornou-se bacharel em Ciências Econômicas pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) em 1971 e em Ciência Jurídicas pela Universidade Católica em 1975. É pós-graduado pela Faculdade de direito da Universidade Federal de Pernambuco em direito Público e Privado. Iniciou sua vida na justiça pernambucana, em julho de 1970, nomeado para escrivão titular do Cartório da Assistência Judiciária da capital, após aprovação em concurso.

No início do mesmo ano tinha obtido aprovação no vestibular de direito. Posteriormente foi removido para o 1º Cartório dos feitos da Fazenda Estadual da capital onde atuou até o final do ano de 1986, quando pediu exoneração. Posteriormente exerceu os cargos de Defensor Público em Alagoas e Delegado de Polícia deste Estado. Em 03 de janeiro de 1989, ingressou na magistratura. Atuou nas Comarcas de Itapetim, Salgueiro, Capoeiras, Passira (1ª Entrância) e Jaboatão dos Guararapes (2ª. Entrância).

Em 1993 foi promovido para a Comarca da capital, sendo removido para titular da 3ª Vara de Sucessões e Registros Públicos no ano de 1995. Exerceu as funções de juiz corregedor auxiliar da 4ª. Região (1995); juiz assessor da Vice-presidência (2002/2003) e juiz Diretor do foro nos biênios 1994/1995 e 2004/2005. Atuou como juiz do Distrito Judiciário de Fernando de Noronha no ano de 2006, em exercício cumulativo com a 3ª Vara de sucessões. Também exerceu a função de juiz eleitoral da 7ª zona eleitoral sendo designado para presidir a Comissão de Fiscalização da Propaganda Eleitoral no pleito realizado em 2006.

Ascendeu ao cargo de desembargador, promovido, por unanimidade, na sessão de 08 de março de 2007.Foi Vice-diretor da Escola da Magistratura de Pernambuco (ESMAPE), eleito juntamente com o Des. Leopoldo de Arruda Raposo (presidente) no ano de 2011, com mandato até junho de 2013. Ouvidor Geral do Tribunal de Justiça no biênio 2012/2013. Em 2016/2017 foi indicado pelo Tribunal para Diretor da Escola Judicial (ESMAPE). A nível nacional, foi eleito 1º Secretário do Colégio Permanente de Diretores das Escolas de Magistratura-COPEDEM- no biênio 2018/2019, sendo, em seguida eleito para o Conselho Consultivo da referida Instituição para o biênio 2020/2021.

Participante de diversas capacitações em Instituições acadêmicas no Brasil e no exterior. É possuidor de diversas condecorações de Instituições locais e nacionais como dos Tribunais do Maranhão (1997) e do Tocantins (2019); Escola da Magistratura do Piauí (2012); Colégio Permanente dos Diretores de Escolas da Magistratura- COPEDEM (2017); Câmara Municipal da cidade de São Paulo, em 23 de fevereiro de 2018. Considera que a riqueza de sua vida é constituída por sua esposa Edina Maria Brandão de Barros Correia e seus três filhos, Ana Claudia, Adriana e Eurico Brandão, todos juízes de Direito.    


E-mail: eurico.barros@tjpe.jus.br