Notícias Notícias

Voltar

Começam as inscrições para o 19º Prêmio Innovare

Na imagem de fundo vermelho está escrito 19º Prêmio Innovare - Edição 2022

Nesta segunda-feira (7/3), começam as inscrições para a 19ª edição do Prêmio Innovare. Até o dia 22 de abril, iniciativas que contribuem para o aprimoramento da Justiça brasileira poderão se inscrever em sete categorias que este ano terão tema livre: Tribunal, CNJ, Juiz, Ministério Público, Defensoria Pública, Advocacia e Justiça e Cidadania. Para concorrer, os membros do Poder Judiciário, do Ministério Público, da Defensoria e da Advocacia interessados em apresentar práticas inovadoras, que beneficiem a Justiça do Brasil, devem acessar o site www.premioinnovare.com.br, conhecer o regulamento e preencher a ficha de inscrição.

A cerimônia de lançamento da premiação de 2022 vai acontecer na quinta-feira (10/3), de forma on-line, e será realizada no Supremo Tribunal Federal (STF) e transmitida ao vivo pelo canal do Innovare no YouTube: www.youtube.com/premioinnovarecanal. As boas práticas vencedoras serão conhecidas na cerimônia de premiação, em Brasília, no final do ano.

Em 2021, o Tribunal de Justiça de Pernambuco recebeu menção honrosa pelo Projeto Rotina.Jus, da 3ª Vara Cível da Comarca de Palmares. A iniciativa consiste numa rotina sistemática de trabalho que proporciona celeridade na entrega da prestação do serviço jurisdicional à população, e ao mesmo tempo a redução do acervo processual da vara, que cumpre, assim, as metas estabelecidas pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Sobre o Prêmio - Criado em 2004, o Prêmio Innovare surgiu no Ministério da Justiça, na gestão do então ministro Márcio Thomaz Bastos, quando o atual diretor-presidente do Instituto Innovare, Sérgio Renault, era secretário da Reforma do Judiciário. No ano de 2009, foi criado o Instituto Innovare e, ao longo do tempo, mais instituições uniram-se à causa.

Atualmente o Conselho Superior do prêmio é composto por associações representativas de grande prestígio no mundo jurídico: Associação de Magistrados Brasileiros, Associação Nacional dos Membros do Ministério Público, Associação Nacional dos Defensores Públicos, Associação dos Juízes Federais do Brasil, Associação Nacional dos Procuradores da República, Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho e Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, além do Ministério da Justiça por meio da Secretaria Nacional de Justiça e Cidadania, do Ministro Carlos Ayres Britto e do jornalista Roberto Irineu Marinho, presidente do Grupo Globo.

Participam da Comissão Julgadora do Innovare ministros do STF e STJ, desembargadores, promotores, juízes, defensores, advogados e outros profissionais de destaque interessados em contribuir para o desenvolvimento do nosso Poder Judiciário.

.......................................................................
Texto: Amanda Machado | Ascom TJPE
Arte: Núcleo de Design e Publicidade | Ascom TJPE