Perfis e Entrevistas

Voltar

Servidora conta sua experiência em curso realizado na Universidade de Harvard

A servidora Vânia Loureiro durante a chegada para a capacitação na Universidade de Harvard

"Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina."
 Essa citação de Cora Coralina serve de inspiração para a servidora do TJPE, Vânia Loureiro, que atua na Diretoria do Foro da Capital. A técnica judiciária, doutora em Psicologia Social nas Organizações pela Universidade de Barcelona, tem uma jornada de 23 anos no Judiciário pernambucano, que incluiu atividade no Núcleo de Capacitação e Treinamento da Coordenadoria Geral do Sistema de Resolução Consensual e Arbitral de Conflitos por oito anos, hoje conhecido como Nupemec/TJPE.

Recentemente, a servidora participou do Workshop "Theory and Tools of the Harvard Negotiation Project" (Teoria e Ferramentas do Projeto de Negociação), organizado pela CMI Brasil Consultoria Empresarial e Desenvolvimento Profissional. A capacitação aconteceu na Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, no período de 29 de abril a 3 de maio, e foi o primeiro curso em português para brasileiros. 

“Foi uma experiência incrível. Tivemos contato com os últimos avanços nos modelos de negociação mais utilizados no mundo, nas mais diversas áreas de atividade e os resultados de sua aplicação. Esse curso me possibilitou ampliar minhas perspectivas sobre o tema, intercambiar opiniões com um grupo internacional de colegas, obter desenvolvimento pessoal e profissional e construir uma rede de network”, destaca a servidora.

Segundo Vânia Loureiro, a capacitação agrega muito conhecimento ao trabalho que desempenha no TJPE, pois a todo momento as pessoas estão negociando (seja nas relações familiares ou profissionais). Sem falar que todo o processo de experiência e aprendizado no TJPE teve uma influência significativa na vida da servidora, pois consolidou seu trabalho como docente e mediadora, com um viés pedagógico mais prático e um domínio maior na área dos métodos consensuais de resolução de conflitos. 

A turma de alunos do Workshop  "Theory and Tools of the Harvard Negotiation Project"  

“Sou grata a Deus por tudo que aprendi: uma vivência ímpar, salutar e enriquecedora. Quero sempre dar continuidade a essa busca incessante por novos conhecimentos, perseguindo o desenvolvimento na área acadêmica, com atividades relacionadas aos métodos consensuais de resolução de conflitos e áreas afins. Pois conhecer o novo é um elemento essencial para minha mente, corpo e alma”, comenta Vânia. 

Por fim, a técnica judiciária deixa algumas dicas para quem deseja se capacitar fora do país. “Estabeleça seu projeto profissional e pessoal, trace linhas de ações e estratégias, identifique seus talentos, verifique quais serviços você poderá implementar no seu trabalho e fora dele. Não é fácil, mas torna-se possível quando a gente define o objetivo e a meta como foco principal em nossas vidas”, conclui.
....................................................................................
Texto: Redação | Ascom TJPE
Fotos: Arquivo Pessoal